Publicado em

Ukulele – Conheça o instrumento

O ukulele se tornou um instrumento muito popular nos últimos anos.

Ganhou o mundo e muitas pessoas se interessaram por ele. Mas, será por qual motivo?

O ukulele é um instrumento havaiano, de quatro cordas e quatro tamanhos diferentes: soprano, concert, tenor e barítono, numa graduação de mais agudo para mais grave e do menor para o maior respectivamente. Mas mesmo o barítono, que é o maior, ainda sim tem um tamanho de fácil transporte.

Seu formato mais usual se assemelha ao conhecido violão. Há outro dois formatos no mercado, o pineapple (abacaxi) e o bass (baixo).

De acordo com o idioma havaiano, podemos traduzir o termo também como “pulga saltitante”, em função do gesto das mãos quando se toca o instrumento.

Uma característica curiosa é que a quarta corda do instrumento é mais aguda que a terceira. Normalmente as cordas superiores tendem a ser uma mais grave que a outra. Essa característica dá ao ukulele, uma sonoridade única e muito bonita.

Por que o Ukulele atrai tantas pessoas?

Temos alguns elementos que podem ser responsáveis por isso: o tamanho, a sonoridade, o preço e a quantidade de músicas que começaram a surgir com esse instrumento.

O preço pode variar muito, e isso depende do tipo de construção adotada pelo fabricante. Este pode construir com madeira laminada (uma madeira mais fina), outros fabricantes optam por madeiras maciças, o que naturalmente reflete no preço final.

Além disso, Ukulele pode ser tocado com os dedos, dedilhando corda por corda, ou com levadas rítmicas ou “batidas”.

Uma das levadas que mais se popularizou foi a de reggae, por ser de fácil realização.

Outro fato muito interessante, é que a afinação do instrumento, possibilita realizar vários acordes com um ou dois dedos. Essa facilidade, ou aparente facilidade, pode ser um dos fatores que contribuiu para tornar o ukulele tão popular.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é image.png

Siga o Núcleo Villa-Lobos em todas as redes sociais e fique por dentro de todas as novidades!

Publicado em

Sonhando em Cordas – Versão digital

Sonhando em Cordas é um livro pedagógico para ensino de violão para crianças de 6 a 9 anos de idade, produzido pelos professores Doalcei Comini e Thiago Victor e tem como um de seus principais referenciais teóricos a Espiral de Swanwick.

Desenvolvido a partir das demandas dos alunos, o livro é recheado de atividades e jogos que tornam a aula de violão mais divertida e prazerosa. Além disso, apresenta um conteúdo amplo, com diferentes leituras gráficas, que antecedem e preparam o aluno para a leitura de partituras tradicionais.

O livro possui 128 páginas, distribuídas em 11 capítulos que consideramos essenciais para o primeiro ciclo de iniciação ao violão.

Agora o Sonhando em Cordas tem uma versão digital que você pode adquirir por aqui e em breve estará disponível em nossa loja.

Siga o Núcleo Villa-Lobos em todas as redes sociais e fique por dentro de todas as novidades!

Publicado em

O Piano e um Pouco de sua História

Você conhece um pouco sobre a história do piano? Sabe onde e quando ele surgiu? Quantas partes principais ele possui? E quem foi o inventor desse instrumento tão conhecido e apaixonante?

Para responder a essas perguntas, temos que “viajar” para a Itália no início do século XVIII…

O piano foi inventado por Bartolomeo Cristofori (1655 – 1731), por volta de 1711, depois de várias tentativas e experimentações.

Bartolomeo Cristofori era um construtor de instrumentos muito habilidoso e, por isso, foi convidado a trabalhar para o grão-duque Ferdinando de Medici em Florença. Ele era responsável por cuidar da vasta coleção musical do palácio e também foi encarregado de inventar outros instrumentos.

No século XVIII, o cravo e o clavicórdio eram os representantes de teclado com cordas disponíveis para as apresentações públicas. Porém, havia um problema: a intensidade do cravo era sempre a mesma e o som do clavicórdio era tão suave e delicado que ele era utilizado somente em estudos ou no auxílio às composições.

O instrumento inovador anunciado por Bartolomeo Cristofori apresentava diferenças essenciais em relação ao cravo e ao clavicórdio. A alteração do mecanismo de pinçamento das cordas substituindo o plectro (uma espécie de pinça que belisca a corda e produz som) por martelos e a modificação da caixa, tornando-a mais resistente a suportar as cordas de aço, mais pesadas e tensas, foram determinantes para a chegada do ‘primeiro piano’.

Há um inventário dos instrumentos musicais da família Medici, de 1700, que se refere à criação desse ‘primeiro piano’, por Cristofori, mais ou menos nessa data. O novo instrumento foi chamado de arpicembalo. Depois, tornou-se conhecido como pianoforte (gravicembalo col piano e forte), enfatizando a sua característica de produzir tanto sons suaves quanto fortes e, finalmente, foi nomeado apenas piano.

Uma curiosidade: Johann Sebastian Bach (1685 – 1750) conheceu o piano dessa época através do fabricante alemão Silbermann, mas essa primeira versão não o convenceu muito. Posteriormente, com melhorias feitas a partir de suas críticas, Bach reconsiderou um pouco a sua opinião.

O Piano atualmente

Os pianos, como os conhecemos hoje, possuem 88 teclas: 52 brancas e 36 pretas. Além do teclado, da caixa, dos martelos e das cordas, já mencionados anteriormente, podemos destacar também: a estante (onde as partituras são colocadas), os pedais e a tábua de ressonância (responsável pela transferência da energia vibratória da corda para o ar). Existem, ainda hoje, três pianos confeccionados por Bartolomeo Cristofori: um está no Metropolitan Museum of Art (Nova York), outro no Museo Strumenti Musicali (Roma) e o terceiro no Musikinstrumenten-Museum (Leipizig).

Siga o Núcleo Villa-Lobos em todas as redes sociais e fique por dentro de todas as novidades!

Referências:

A História da Invenção do Piano – Gizmodo Brasil – UOL

História do Piano – Salão Musical de Lisboa

Pianobrincando

Publicado em

PianoBrincando – O Macaco Patinador

A história O Macaco Patinador, que você pode assistir por aqui, faz parte do livro PianoBrincando, escrito por Betânia Parizzi e Patrícia Furst Santiago. A Betânia é assessora pedagógica do Núcleo Villa-Lobos de Educação Musical e professora da Escola de Música da UFMG.

Sobre o livro

O PianoBricando foi lançado em 1993 e, em 2021, retorna em sua segunda edição, publicado pelas Editoras Fino Traço e UFMG.

O livro, voltado para o ensino de piano para crianças entre 4 e 10 anos de idade, ofereceu um novo paradigma ao ensino do instrumento para alunos iniciantes, ampliou e aprimorou estratégias para aulas coletivas de piano e criou processos didáticos progressivos para aulas de piano para crianças pequenas.

Além disso, proporcionou aos alunos a possibilidade de acesso a uma linguagem musical contemporânea, através da exploração de técnicas expandidas, tais como sons das cordas percutidas ou beliscadas, sonoridades criadas a partir da tábua ressonância, utilização do piano preparado etc., normalmente inexploradas nos livros tradicionais.

Ele também criou estratégias para uma prática progressiva de leitura e escrita de partitura; trouxe para as aulas elementos fundamentais do processo de musicalização; enfatizou processos de criação individual e coletiva; e direcionou a ênfase do aprendizado para o lúdico e para o prazer da descoberta do novo.


Nesta nova edição, além da revisão geral da obra, são apresentadas três peças inéditas do compositor Oiliam Lana, professor da Escola de Música da UFMG. Essas peças estão em plena sintonia com as propostas do livro em relação à utilização de novas sonoridades e aos fundamentos motores e musicais introduzidos.


Um bom exemplo do alcance deste livro é o vídeo da História do Macaco Patinador, produzido e editado pela pianista Giovana Vomlel de apenas 9 anos de idade, com a utilização do aplicativo CAPCUT para celular. Essa história introduz, nas aulas de piano das crianças, abordagens motoras básicas e fundamentais à técnica pianística e proporciona aos alunos oportunidades prazerosas de improvisação ao piano.


Vale a pena conferir esse vídeo nas mídias sociais do Núcleo Villa-Lobos e se juntar às muitas escolas de música de BH e de outras cidades brasileiras que já utilizam PianoBrincando com sucesso em suas aulas de piano!

Publicado em

Plataformas de Streaming de Música – Qual é a melhor opção?

Desde 2015, o jeito de escutar música vem mudando e se adaptando cada vez mais ao mundo digital. Atualmente, o mercado conta com diversas Plataformas de Streaming de Música – serviço de reprodução de música gratuito ou pagoque nos permitem consumir e vender música em diversos lugares, a qualquer hora e por um preço bastante acessível.

Com a pandemia da COVID-19, a utilização desses serviços teve um aumento de 35% no Brasil, segundo a revista Veja. Hoje possuímos inúmeras plataformas e, para ajudar a decidir qual é a melhor opção, separamos uma lista para você!

Spotify

O Spotify é uma das principais plataformas de streaming de música. Com mais de 232 milhões de usuários ativos em todo o mundo, ela possui mais de 30 milhões de músicas disponíveis.

 O aplicativo apresenta uma versão gratuita e a premium, a primeira com um acesso mais restrito, impossibilitando o usuário de fazer o download de suas playlists e escutar músicas off-line. Em contrapartida, a versão premium garante o acesso ilimitado a todos os serviços, permite baixar as músicas e escutar off-line.

Além disso, a plataforma possui diversas opções de assinatura, como plano família, universitário, individual, entre outros.

Apple Music

O Apple Music é um serviço de streaming criado pela Apple. Ele pode ser acessado por outros navegadores com qualquer sistema operacional e também em dispositivos Android.

Também possui mais de 70 milhões de músicas, videoclipes e conteúdos exclusivos, como programas e shows. Permite com que o usuário escute músicas off-line e importe 100 mil músicas para a sua biblioteca. 

Além disso, o serviço conta com o plano individual e o familiar, o qual permite a conexão de até seis pessoas.

Deezer

O Deezer está entre uma das principais ferramentas de streaming de áudio no mundo.

Essa plataforma possui diversos serviços dentro dela, como web rádios temáticos, playlists personalizadas e possibilita sincronizar arquivos em MP3 do computador.

Assim como o Spotify, a plataforma oferece um serviço gratuito e pago. Na versão gratuita, não é possível selecionar músicas específicas e não é permitido pular ou baixá-las, além de apresentar anúncios. Por sua vez, a versão paga permite baixar as músicas, escutá-las off-line e seguir amigos.

Amazon Music

O Amazon Music é a plataforma de streaming de música ilimitada da Amazon, com mais de 60 milhões de músicas. Para quem utiliza a Alexa esse é o aplicativo ideal, pois permite diversas interações com o serviço.

Diferente dos outros serviços citados, o Amazon Music não possui um plano gratuito, apenas oferece um mês de teste grátis.

Ele possui três planos pagos: o individual família e Echo, que permite que o usuário ouça off-line, baixe e possa ouvir qualquer música. 

YouTube Music

O YouTube Music Premium é a mais nova ferramenta criada pelo YouTube. O serviço permite que usuários ouçam músicas em segundo plano e áudios de vídeos sem estar com o aplicativo aberto.

Assim como os outros serviços, ele permite baixar músicas para ouvir off-line e não mostra anúncios para assinantes, mas é preciso se reconectar a internet pelo menos uma vez a cada 30 dias para manter os downloads.

O YouTube Music oferece três planos: premium, estudante e família. 

Você já conhece ou utiliza alguma dessas Plataformas de Streaming de Música? Conta pra gente!

Siga o Núcleo Villa-Lobos no Facebook e Instagram para ficar por dentro de todas as novidades da escola!

Publicado em

Seminário Internacional Desenvolvimento Humano na Primeira Infância: Educação Musical e Musicoterapia

De 05 a 11 de abril será realizado o Seminário Internacional Desenvolvimento Humano na Primeira Infância: Educação Musical e Musicoterapia. O evento será realizado on-line pela plataforma Zoom e as inscrições podem ser realizadas por aqui!

O evento contará com entrevistas com importantes estudiosos sobre bebês e musicoterapia, como o professor Colwyn Trevarthen da Universidade de Edinburgh e a musicoterapeuta Lia Rejane Barcellos, professora Conservatório Brasileiro de Música, pesquisadora e pioneira da Musicoterapia no Brasil.

Já temos presença confirmada de grandes nomes da Educação Musical e da Musicoterapia, como Alda Oliveira (UFBA), Anacris Sampaio (BH), Angelita Broock (UFMG), Beatriz Ilari (University of Southern California), Betânia Parizzi (UFMG), Carla Reis (UFSJ), Cecília DiPrizio (Red Latinoamericana de Musicoterapia para la Primeira Infancia), Diana Santiago (UFBA), Erika Parlato (Universidade de Paris), Gabriel Federico (CAMINO – Centro Argentino de Musicoterapia e Investigación en Neurodesarrollo y Obstetricia), Gleisson Oliveira (UFMG), Helena Rodrigues (Universidade Nova de Lisboa), João Gabriel Marques Fonseca (UFMG), Leda Maffiolleti (UFRGS), Liliana Botelho (UFSJ), Luisiana Baldini (Centro de Musicoterapia Benezon Brasil), Marina Freire (UFMG), Marisa Fonterrada (UNESP), Noemi Ansay (UNESPAR), Patrícia Santiago (UFMG), Paulo Rodrigues (Universidade de Aveiro), Ricardo Freire (UnB), Teca Alencar de Brito (USP), Tiago Madalozzo (Unespar).

Além disso, será realizado o lançamento do livro Sonhando em Cordas, produzido pelos professores Doalcei Comini e Thiago Victor. Você pode adquirir o livro aqui!

Publicado em

Matrículas 2021

Não deixe de fazer matrícula para aproveitar todo o ano de 2021!

Está em dúvida sobre a metodologia adotada na escola? Marque uma aula experimental gratuita!

Trabalhamos com todas as idades, desde musicalização para bebês, musicalização infantil, instrumentos: violão, guitarra, piano, violino, canto, flauta, bateria, baixo e Ukulele. Pré-vestibular de Música e Bandas!

Porquê estudar com a gente?

Núcleo Villa-Lobos de Educação Musical foi criado em 1971 com o objetivo de oferecer um trabalho de educação musical diferenciado, centrado na experiência musical, por meio de uma abordagem pedagógica criativa, lúdica e prazerosa.

A escola utiliza metodologia e material didático próprios, desenvolvidos nos mais de 45 anos de experiência com o ensino da música. Além dos cursos de musicalização para bebês, crianças, adolescentes e adultos, o Núcleo Villa-Lobos oferece aulas de instrumento, bandas de Rock e MPB, cursos de formação de professores em Educação Musical, preparação para o vestibular de música e estágios para universitários.

A equipe do Núcleo, composta por professores altamente qualificados, acredita que o conhecimento musical transcende o aprendizado da música e pode representar um diferencial na vida das pessoas.

Publicado em Deixe um comentário

AULAS ONLINE A TODO VAPOR!

É com muita alegria que fechamos esse primeiro semestre de isolamento com todas as nossa aulas acontecendo online, com grande envolvimento de alunos, professores e funcionários, e com a ajuda inestimável dos pais, que foram fundamentais para tornar isso possível. Estaremos de volta com nossas aulas online a partir de 3 de Agosto, ansiosos para reencontrarmos todos. Esperamos vocês! Até lá!

Conheça os nossos cursos:
Instrumentos e Canto
Musicalização para Bebês
Musicalização

Publicado em Deixe um comentário

#FIQUEEMCASACOMMUSICA

#FIQUEEMCASACOMMUSICA

Queridos pais! Queridos alunos!
Neste momento de tantas incertezas, estamos certos de que a música é capaz fazer com que pessoas do mundo inteiro se alegrem, cantem, dancem e se conectem umas com as outras.

Com esta certeza, a escola está disponibilizando semanalmente dezenas de atividades para serem feitas em casa, contemplando todas as faixas etárias (desde bebês até adolescentes). Pais e filhos fazendo música juntos em casa! Convidamos todos vocês para se engajarem conosco neste projeto: FIQUE EM CASA COM MÚSICA

Publicado em Deixe um comentário

COMUNICADO URGENTE: Aulas suspensas até o dia 31 de março.

Caros Pais e Alunos,

Conforme determinação do TRT de Minas Gerais, informamos que prorrogamos a suspensão de nossas atividades até 31 de março.
Já estamos trabalhando para em breve disponibilizar atividades on-line para todos.
Fiquem atentos pois logo enviaremos um e-mail com mais detalhes.


Um grande abraço a todos.
Equipe Villa-Lobos